Categorias
Blog do Ilgo

Grêmio tem atuação superior, mas fica no empate

Atuação valente e atrevida do Grêmio, que calou o Itaquerão inúmeras vezes e que merecia sair de campo com vitória, não com o empate por 1 a 1. 

Nem quando perdeu seu melhor zagueiro, Geromel, jogador de seleção brasileira, o Grêmio manteve sua postura altiva e superior, como raramente acontece com algum adversário do Corinthians em seu estádio quase lotado.

O Grêmio mereceu a vitória, os três pontos que o colocariam a três pontos da liderança. Mas não venceu. 

O futebol sabe ser cruel também com aqueles que ousam e que jogam com dignidade, marcando e atacando com destemor.

Douglas foi o melhor jogador em campo. Foi de seus pés que saiu um lançamento esplendoroso para Pedro Rocha, aos 12 do primeiro tempo. O guri invadiu a área e chutou desviado para fora, justamente de um lugar em que Éverton marcou o gol da vitória sobre o Goiás.

Pois Douglas, a quem tanto critiquei, mas sempre respeitando sua história e sua qualidade técnica, depois desse lançamento milimétrico ainda criou outras boas jogadas e foi combativo de maneira extraordinária. Parecia um guri muitas vezes. Pois Douglas teve o jogo à feição em sua perna esquerda, justamente a boa.

Douglas iniciou a jogada com um toque genial, veio o cruzamento, a defesa de Márcio e o rebote. Douglas tinha tudo para fazer o gol da vitória, mas mandou a bola para longe.

Com esse chute torto e descabido para alguém com tanta técnica, Douglas mandou para longe também qualquer chance de título do Grêmio no Brasileiro.

Antes, Bobô, o aipim flexível, havia feito 1 a 0, em bela jogada do ataque, com cruzamento perfeito de Marcelo Oliveira. Depois, o empate. Não, não houve falha de Thiago, a quem muita gente da mídia tenta desestabilizar, infelizmente com apoio de gremistas ingênuos.

Não fosse Thiago, que fez uma defesa milagrosa, o Grêmio poderia ter sofrido uma derrota amarga e profundamente injusta. 

Bem, com a vaga no G-3 quase consolidada, cabe agora focar no próximo jogo pela Copa do Brasil.

Aos desatentos, informo que já tem muito clube aí poupando jogadores para os mata-mata.

O Grêmio, em função de lesões e convocações, ainda não conseguiu fazer isso. Além do mais, havia essa esperança, mesmo remota, de título no Brasileirão.

Agora, com o empate, é hora de focar na competição que pode dar título.

INTER

Antes, no Beira-Rio, o Inter bateu o time reserva do Palmeiras por 1 a 0, gol de Nilton.

Li no clicrbs que o Inter venceu e se reabilitou no Brasileiro. É muita vontade de puxar-saco do torcedor colorado.

http://zh.clicrbs.com.br/rs/esportes/inter/noticia/2015/09/inter-vence-o-palmeiras-e-se-reabilita-no-brasileirao-4844163.html

É subestimar a inteligência do torcedor de futebol, que sabe reconhecer quando seu time está mal, dispensando esse tipo de manchete.

O Inter precisa de mais alguns resultados positivos para realmente reabilitar-se no campeonato.

Cabe ao Inter, independente dos otimistas de plantão, lutar para terminar a competição com dignidade.

Para isso, é dispensável o puxa-saquismo. 

FUSCA

Estou agora, irremediavelmente, fora do fusca que leva os gremistas que ainda acreditam no título do Brasileiro/2015.