Categorias
Blog do Ilgo

O gol do Inter e a regra 11

Ao ler comentário de um analista de arbitragem – que, aliás, todo torcedor não deixa de ser – de que a regra 11 estaria validando o lance de gol do Luverdense basicamente porque Pottker, em posição de impedimento, não tocou na bola no início do lance.

Quem se der ao trabalho de ler o tal artigo no livro de regras lançado pela CBF, edição 2016/2017, verá que a coisa não é tão simples.

O articulista sonegou, por exemplo, um trecho importante, lembrado apenas pelo ex-árbitro Sálvio Spíndola, que criticou a arbitragem por ter validado o gol do Inter.

A regra diz que o jogador (Pottker) estará penalizado se estiver interferindo em um adversário de alguma maneira, como as duas abaixo que copiei do livrinho:

– Impedindo um adversário de jogar ou de poder jogar a bola ao obstruir
claramente sua linha de visão ou;
– disputando a bola com o adversário;

Tirem suas conclusões. Eu concordo com Sálvio. Gol ilegal.

O que me inquieta, e preocupa, é a análise simplista dos ‘analistas de arbitragem’ da aldeia, que se limitaram a um aspecto, o mais conhecido, da regra, que, por coincidência, é o que beneficia o Inter.

Confiram o vídeo de Sálvio, didático e imparcial:

http://cornetadorw.blogspot.com.br/2017/07/analista-humano-acima-do-mampituba.html

http://espn.uol.com.br/video/711897_salvio-explica-por-que-polemico-gol-do-inter-foi-irregular