Notícias

Grêmio deve poupar titulares no Grenal visando competições mata-mata

O jogo ainda está longe, mas a princípio parece que tanto Grêmio quanto Internacional não estão focados no GreNal do Brasileirão. Isso tudo devido às outras competições que ambos os times jogam. O Grêmio enfrenta o Bahia, na Arena Salvador, pela Copa do Brasil na próxima quarta-feira. E o Internacional pega o Palmeiras, também pela mesma competição, com o jogo no Beira-Rio.

O GreNal é sábado, porém na outra semana as equipes têm confrontos pela Libertadores. E como pelo torneio da Copa do Brasil, a distância para o título é de cinco partidas e pela Libertadores, oito, as 28 partidas do Brasileirão vão ficar em um segundo plano.

Renato Portaluppi, técnico do Grêmio, afirmou: “Por estarmos disputando três competições ao mesmo tempo, a gente precisa de revezamento. São importantíssimas. Mas, independentemente da competição, tem que ter entrega. Eu treino um grupo, não uma equipe.”

Como o primeiro jogo entre Grêmio e Bahia terminou empatado, quem vencer a partida de volta avança para a semifinal da Copa do Brasil. O problema é que o jogo é na Arena Salvador e o principal jogador do Grêmio hoje, Éverton Cebolinha, não garantiu presença na partida.

Éverton deve se reapresentar com o restante do grupo na manhã dessa segunda-feira e ficar à disposição para a viagem para Salvador. No entanto, a chegada de alguma proposta de algum clube europeu é iminente, portanto, não se tem certeza da participação do atleta no jogo decisivo. Acredita-se que o Arsenal é um dos clubes que devem enviar propostas ao clube gremista pelo jogador.

No caso do Inter, D’Alessandro é dúvida para o jogo contra o Palmeiras pela Copa do Brasil e o Inter já utilizou reservas no último jogo do Brasileirão, portanto deve se manter com o mesmo planejamento, com o jogo da Libertadores na próxima semana contra o Nacional. O Grêmio enfrenta o Libertad pela mesma competição.

Fonte: GloboEsporte.com

Fechar