Categorias
Blog do Ilgo

É duro torcer pelo Cruzeiro

Hoje senti na pele o que anda sofrendo o torcedor do Cruzeiro. Que time medíocre, comandado por um técnico que vira e mexe joga apenas por uma bola. É duro torcer pelo Cruzeiro.

E tem gente que reclama do Grêmio…

O problema no esquema de Mano Menezes é que única bola é uma melancia, ou assume outras formas geométricas, como um quadrado.

Impressionante como um time de tradição, com uma grande torcida e multicampeão consegue apequenar-se tanto.

Em 90 minutos contra o Inter não criou nenhuma chance de gol.

O que mais criou e arriscou foi Pedro Rocha. Esse Thiago Neves, que alguns gremistas queriam trocas por Luan, é se arrasta em campo e sequer consegue dominar uma bola para dar andamento a uma jogada.

Um time que tem como referência técnica esse Thiago Neves de hoje realmente não pode ser grande coisa. Isso ajuda a explicar por que o Cruzeiro está há oito jogos sem marcar gol.

E o que dizer de Fred? Silêncio.

O Inter venceu por 1 a 0, e não seria injusto de marcasse mais um gol, que só não aconteceu graças ao goleiro Fábio, que eu pensei que só defendesse contra o Grêmio.

Resumindo, o gol de Edenílson dá uma vantagem muito grande ao Inter, que joga em seu estádio, onde o time se impõe e quando não consegue isso conta com a ajuda dos erros humanos e da máquina.

Agora, apesar dessa ruindade técnica e tática, não duvidem se o Cruzeiro não aplicar.

Mano Menezes arma uma retranca – ele é especialista nisso – e espera o Inter. Aí, é só resistir e explorar contra-ataque. Difícil, mas não impossível.

Tem um detalhe, Mano pode cair nas próximas horas.

A tendência no Beira-Rio é que o Inter avance na Copa do Brasil. Se o Grêmio passar, e vai passar pelo Atlético PR, teremos Gre-Nal.

Grandes emoções nos aguardam.