Surpreso, Matheus Henrique comenta convocação para a Seleção

2019 vem sendo um ótimo ano para Matheus Henrique. O jogador, que foi dispensado das categorias de base do Grêmio e retornou após se destacar pelo São Caetano na Copa São Paulo de Futebol Júnior, é uma das revelações do Campeonato Brasileiro desse ano.

As belas atuações renderam a Matheus uma oportunidade na Seleção Brasileira. O treinador Tite convocou o volante para os amistosos contra Senegal e Nigéria, que ocorreram nos dias 10 e 13 desse mês.

A convocação gerou surpresa no jogador, que soube da notícia pelo volante Maicon. Em entrevista coletiva cedida em Singapura, o jogador declarou que acreditava ser uma brincadeira do capitão da equipe. No entanto, o treinador Renato Portaluppi confirmou a sua convocação. Matheus Henrique pensou, em primeiro momento, que a convocação seria para o time sub-23 e não para a Seleção principal.

Versátil na base, Matheus Henrique contou como se tornou volante no Grêmio

Na primeira passagem pelo Grêmio, Matheus Henrique atuava mais adiantado, como um camisa 10. No entanto, sua versatilidade e poder ofensivo fez com que o jogador fosse utilizado em vários setores do campo, inclusive na lateral.

“Sempre joguei mais avançado antes do profissional. Jogava de 10, de 8. Ali, na primeira passagem pelo Grêmio, joguei de lateral até, mas no improviso, não fui a fundo na posição. No retorno em 2017, virei volante de vez.” – declarou o jogador na coletiva.

Com a convocação, o jogador torna-se o terceiro volante do Grêmio convocado na “Era Tite”. Em 2016, Walace foi chamado para compor a Seleção Olímpica, medalha de ouro nos Jogos do Rio. Após um ano de destaque e a conquista da Taça Libertadores da América, Arthur também foi convocado. Hoje, o volante que está atualmente no Barcelona, é uma das principais peças do meio-campo da Seleção.

Matheus também lembrou da importância de Maicon para o seu crescimento. “Quem conhece ele sabe que é um cara que não tenho nem palavra para falar. Não à toa que é nosso líder, nosso capitão. A gente que é da posição dele, ele está sempre dando toque, passando a experiência.” – enfatizou o atleta.

Intensidade, precisão no passe e controle do jogo

matheus-henrique-convocado
RS – FUTEBOL/CONMEBOL LIBERTADORES 2019 /GREMIO X PALMEIRAS – ESPORTES – Lance da partida entre Palmeiras e Gremio disputada na noite desta terca-feira, no Estádio do Pacaembu, valida pelas quartas de final da Conmebol Libertadores 2019. FOTO: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

Matheus Henrique vem sendo uma peça fundamental para o meio-campo do Grêmio em 2019. Não é atoa que suas atuações vêm sendo elogiadas por torcedores e especialistas. Com um estilo de jogo intenso, o jogador é quem dita o ritmo do Imortal durante as partidas. No primeiro jogo da semifinal da Copa Libertadores, o volante foi quem deu mais passes na equipe, mesmo com o time tendo um número três vezes menor de passes trocados que o Flamengo.

Além disso, o aproveitamento do jogador no fundamento ultrapassa os 90%, número alcançado pelos grandes nomes do setor no futebol mundial.

Isso faz com que, mesmo em atuações ruins do time do Grêmio, o jogador ainda saia como destaque e tenha sua participação elogiada. É ele quem dita o ritmo do meio-campo gremista, estando com a bola na maior parte do tempo. No primeiro jogo da semifinal da Copa do Brasil, contra o Athetico Paranaense, o jogador foi escolhido o craque da partida, além de ter sido o jogador da equipe que mais esteve com a bola nos pés durante os 90 minutos.

O comportamento de Matheus Henrique em campo agradou o treinador da Seleção Brasileira, Tite. Dessa forma, o jogador foi convocado pela primeira vez para a Seleção Brasileira principal. Ainda em 2019, o jogador fez parte da equipe campeã do Torneio de Toulon, na França. E seu nome é um dos mais cotados para integrar a Seleção Olímpica que disputará o Torneio Pré-Olímpico no ano que vem.

 

Clique aqui e receba as nossas notícias pelo WhatsApp

Botão Voltar ao topo