Notícias

Renato afirma que time alcançará o G-6

A equipe do Grêmio deixou escapar chance de se aproximar do G-6 do Brasileirão ao empatar com o Corinthians no último sábado. No entanto, o treinador Renato Portaluppi garante que o time estará entre os 6 primeiros colocados ao fim do campeonato.

Em entrevista coletiva após o jogo na Arena Grêmio, Renato mostrou otimismo em relação ao futuro da equipe. “Nosso objetivo é o G4, mas se não der no G4 tem o G6 com certeza” – afirmou o treinador.

Os números, porém, mostram que os resultados em casa preocupam. O time é apenas o nono melhor mandante do campeonato, com 21 pontos somados em 33 disputados. Mas, para Renato o Brasileiro ainda está longe de estar decidido. De acordo com o técnico, a equipe possui futebol suficiente para estar entre os quatro primeiros colocados, e é importante não se distanciar dos adversários.

“Faltam muitas rodadas ainda. Muitas rodadas. Muita coisa pode acontecer. Não faço contas, não. O Campeonato Brasileiro é longo. O importante é não deixar o G4 escapar, se distanciar. Em casa, contra o Ceará na próxima rodada, precisamos dos três pontos” – lembrou o treinador, que terá uma nova chance de sair com a vitória dentro da Arena na quarta (9).

Além do G-6, Libertadores pode dar vaga para o Grêmio

g-6-gremio-libertadores
RS – FUTEBOL/CONMEBOL LIBERTADORES 2019 /GREMIO X FLAMENGO – ESPORTES – Lance da partida entre Gremio e Flamengo disputada na noite desta quarta-feira, na Arena do Gremio, valida pela semifinal da Conmebol Libertadores 2019. FOTO: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

 

No próximo dia 23, o Grêmio decidirá no Maracanã uma vaga para a final da Taça Libertadores da America. Caso vença o torneio – seu segundo em três anos – o clube garantirá vaga direta para a disputa do ano que vem. Além disso, o vencedor da Libertadores se classifica para o Mundial de Clubes da FIFA, no fim do ano, e para a Recopa Sulamericana, em 2020.

Em caso de derrota, alcançar o G-6 torna-se tarefa obrigatória para a equipe. Caso isso aconteça, o clube ao menos estará classificado para as fases eliminatórias do torneio.

Desde que o Campeonato Brasileiro começou a classificar seis equipes para o torneio continental, o Grêmio esteve presente em todas as edições. Mas apenas em 2018 que a vaga veio pelo Brasileirão. Em 2016 e 2016, o clube foi campeão da Copa do Brasil e da Copa Libertadores, respectivamente, o que lhe deu vagas diretas para a fase de grupos do torneio.

Retrospecto pós-Copa América anima

Se o empate com o Corinthians na Arena foi um balde de água fria na luta pelo G-6, os números podem deixar os torcedores animados.

Antes da pausa para a Copa América do Brasil, a equipe do Grêmio havia feito apenas 11 pontos em 27 disputados. Com a disputa de vários campeonatos de forma simultânea, Renato teve que poupar jogadores, atuando muitas vezes om a equipe reserva. Isso fez com que o time fosse apenas o 11º colocado naquele momento.

“Algumas equipes se aproveitaram disso, arrancaram bem e acumularam gordura. Tudo bem, a gente vai continuar brigando, lutando” – comentou o treinador sobre a dificuldade da equipe nas primeiras rodadas do torneio.

No entanto, após a parada para o torneio de seleções, a equipe mostrou melhora no desempenho. A dura eliminação sofrida para o Athletico Paranaense na semifinal da Copa do Brasil acabou por abrir espaços no calendário. Dessa forma, a equipe pode voltar a utilizar titulares no Brasileirão.

O resultado logo ficou evidente: a equipe, após a parada da Copa América, somou 24 pontos. A pontuação ainda não foi suficiente para colocá-lo entre os seis primeiros colocados do torneio. Entretanto, a equipe está no G-6 das melhores equipes no pós-Copa América, o que o coloca apenas há 3 pontos da primeira equipe no grupo dos 6 primeiros, o Internacional.

 

Fechar