Categorias
Blog do Ilgo

Renato corrige erro e acerta o time na vitória sobre o Vasco

Renato escalou mal e substituiu bem, corrigindo a tempo a sua opção de começar contra o Vasco com dois volantes que não se completam, porque ambos têm dificuldade para armar e chegar à frente com qualidade.

Quando soube que o Grêmio começaria com Rômulo e Michel imaginei que seria uma noite de horror, tendo ao fundo uma sinfonia de raios e trovões que desabaram sobre Porto Alegre na hora do jogo, inclusive obrigando o fechamento do aeroporto Salgado Filho.

Felizmente, não houve corte de energia elétrica na minha zona, o que permitiu que eu pudesse assistir ao jogo até o fim, feliz com a vitória por 3 a 1 sobre o Vasco, em pleno São Januário. Uma vitória que passou pela substituição de Michel (havia recém levado cartão amarelo e fazia uma partida atroz), logo aos 30 minutos.

A entrada de Pepê e a passagem de Thaciano para jogar ao lado de Rômulo melhorou o time, que ficou mais agressivo e melhor ajustado em campo. O próprio Rômulo cresceu tendo ao lado um jogador com mais saída de bola.

Antes disso, o gol do Vasco. Guarín cobrou falta, um chute rasteiro, relativamente forte, quase no meio da goleira. Paulo Victor, indicando que ficou abalado pela avalanche de críticas que recebeu após os 5 a 0, aceitou. Já há quem o queira fora do time domingo, no Gre-Nal. Não é hora de arriscar. É hora de dar força e apoio do goleiro, ou ao menos diminuir o tom da crítica para que ele recupere a serenidade. Por enquanto, até prova em contrário PV é o melhor goleiro do Grêmio.

Pepê marcou o gol de empate, após grande jogada individual. Depois, Éverton virou, depois de receber uma bola roubada por Darlan (o guri entrou muito bem mais uma vez). O terceiro gol foi de pênalti, cometido por Castan, que abriu demais o braço numa disputa pelo alto com Luciano. No primeiro tempo, ele foi advertido pelo juiz justamente por esse tipo de movimento que ele repetiu dentro da área.

O Grêmio subiu para o quinto lugar, dois a menos que o quarto, o SP, goleado pelo Palmeiras.

Destaco o desempenho da dupla de área e de Cortêz, que inclusive evitou um gol do Vasco a 10 minutos do final. Na frente, Tardelli voltou a jogar bem. Éverton foi o craque do jogo. Rodriguez entrou bem na lateral-direita. Mostrou que pode ser aproveitado por ali.