Notícias

Grêmio investiu R$ 19 milhões em 2019, mas os reforços renderam o esperado?

Após a partida entre Grêmio e Flamengo, no último domingo, Renato Portaluppi concedeu entrevista coletiva para os repórteres presentes na Arena.

Perguntado sobre a sua permanência, o treinador ressaltou que, para isso acontecer é preciso um maior investimento do clube em jogadores. 

– Digamos que não vamos abrir o cinto como Flamengo e Palmeiras. Mas, se eu ficar, não vai se fechar muito, não. Se fechar muito, pode contratar outro treinador – disse Renato, no domingo.

No entanto, a perspectiva para 2020 é de investimentos semelhantes aos de 2019, conforme afirmou o presidente Romildo Bolzan na semana passada, em entrevista à Radio Globo.

– Vamos fazer processo de aproveitamento profundo de jogadores da base, vamos fazer aquisições de jogadores, trabalhar a ideia de troca-troca, de fazer diagnósticos de jogadores promissores e trazê-los para cá e ajudar a formá-los. Nossa capacidade de investimento não é grande. O clube mantém o conceito de sua estabilidade e não vai fugir disso para fazer loucuras. Não temos essa bala toda, não. – disse Bolzan.

Com orçamento de R$ 317 milhões para a temporada de 2019, porém, o Grêmio está entre os 10 times com maior poder financeiro entre os que disputam a Série A.

O Grêmio trouxe 10 jogadores para a temporada. Mas, muitos deles não renderam o esperado dentro de campo, mesmo com o alto valor de mercado.

Diretoria do Grêmio investiu R$ 19 milhões em reforços nesta temporada

grêmio-investimento-contratações
RS – FUTEBOL/TREINO GREMIO – ESPORTES – Jogadores do Gremio realizam treino durante a tarde desta terca-feira, na preparação para o Campeonato Brasileiro 2019. FOTO: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

A temporada de 2019 do Imortal teve um salto nos investimentos do clube.

Para esse ano, a diretoria foi às compras e trouxe reforços de peso, como é o caso do atacante Diego Tardelli. Curiosamente, a maior contratação do elenco na temporada veio a custo zero.

De acordo com a reportagem de Eduardo Moura, para o globoesporte.com, dos dez jogadores contratados para a temporada, quatro chegaram de graça a Porto Alegre: o goleiro Julio César, o lateral-direito Rafael Galhardo, o volante Rômulo e o próprio Tardelli.

Os outros sete tiveram seus direitos comprados de forma integral ou parcial pelo Grêmio ou vieram por empréstimo, como é o caso de Felipe Vizeu e Montoya. Eles custaram aos cofres do Tricolor R$ 4,5 e R$ 1,2 milhões, respectivamente.

A maior aquisição da equipe, no entanto, está sentada no banco de reservas. O lateral-esquerdo Juninho Capixaba teve 50% dos seus direitos adquiridos pelo clube no início da temporada. Mas não provou seu valor em campo até o momento.

Em relação à 2018, porém, há uma diferença na utilização do orçamento. No ano passado, a diretoria gastou os mesmos R$ 19 milhões em apenas duas contratações: Marinho, por R$ 9 milhões, e André Felipe, por 10.

O primeiro já foi trocado com o Santos pelo zagueiro David Braz, que ainda pagou R$ 4 milhões pelo atleta.

As contratações feitas pela diretoria do Grêmio – e indicadas pelo treinador Renato Portaluppi – são alvos de críticas da torcida, que nos últimos tempos direcionam seu descontentamento em relação à alguns jogadores.

Maior contratação de 2018, André é um dos contestados pela torcida do Grêmio

grêmio-andré-investimento
RS – FUTEBOL/TREINO GREMIO – ESPORTES – Jogadores do Gremio realizam treino durante a tarde desta terca-feira, na preparação para o Campeonato Brasileiro 2019. FOTO: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

A maior contratação de 2018 vem sofrendo com protestos da torcida.

André Felipe, que não atua desde as semifinais da Libertadores, foi vaiado pelos gremistas quando entrou na partida do último domingo, contra o Flamengo.

Sabendo do alto investimento feito pelo jogador e por ainda crer que pode gerar um bom retorno financeiro devido a idade, o dirigente Duda Kroeff ressaltou que é necessário preservar o atleta enquanto a fase não é boa.

– É jogador do Grêmio e a nossa intenção é recuperar o jogador. Ele tem um histórico. Ele não veio ao Grêmio por nada, ele tem uma história. Me lembro dele contra mim em 2010, em partidas memoráveis pelo Santos e depois jogou muito bem no Sport. Realmente está bem abaixo do que a gente esperava, não é segredo, ele sabe disso. A intenção é recuperá-lo – disse o dirigente.

Em 45 jogos pela equipe na temporada, André fez apenas 7 gols e está há 53 dias sem marcar.

Fechar