Luan jogará pelo Corinthians em 2020

A novela Luan teve seu desenrolar durante toda a semana que sucedeu o fim do Campeonato Brasileiro de 2019.

De acordo com o diretor do Corinthians, Duílio Monteiro, o clube paulista desejava o jogador e entrou em negociações antes mesmo do fim da competição. Na última quarta, Duílio e Klauss Câmara, diretor de futebol do Grêmio se reuniram com Paulo Pitombeira, empresário do atleta.

As primeiras notícias eram de que o alvinegro estaria interessado em fazer uma troca pelo jogador, e que os nomes de dois atletas estariam acertados. Em entrevista, o presidente gremista Romildo Bolzan Jr. criticou os nomes especulados, o que gerou descontentamento por parte de Andrés Sanchez, presidente do Corinthians.

A diretoria do Tricolor reiterou que prefere que a porcentagem dos direitos econômicos de Luan que o clube detém sejam vendidas, e esperava lucrar cerca de R$ 20 milhões pelo atleta. Na noite dessa sexta-feira, o negócio parece ter deu grande passo.

E na tarde de hoje o negócio foi concretizado. Conforme apurou o site globoesporte.com e foi confirmado pela diretoria do Grêmio FBPA, o atacante Luan Guilherme não é mais jogador do clube. As negociações avançaram para que o jogador assinasse o contrato com o Corinthians por 22,8 milhões de reais.

É o fim do ciclo do Reizinho, como era chamado pelos torcedores, em Porto Alegre. Mesmo com forte campanha pela permanência do jogador nas redes sociais, a diretoria gremista preferiu vender o atacante. Confira abaixo os detalhes da negociação.

Luan chega em Itaquera por 22,8 milhões de reais

luan-corinthians-2020
Foto: Grêmio FBPA

Na tarde de sexta-feira, 13, o site globoesporte.com apurou que o destino de Luan será mesmo Itaquera, restando apenas os últimos acertos para a transferência do jogador.

No caso do camisa 7 gremista, o que prevaleceu foi a vontade da diretoria do Grêmio. O clube paulista concordou em pagar 5 milhões de euros pelo atleta, o que pode chegar à 22,8 milhões de reais na cotação atual. O dinheiro é referente à 50% dos direitos econômicos do jogador. Os outros 50% ficariam ainda com o Imortal.

O contrato seria de cinco temporadas, se encerrando no final de 2024. Segundo o portal, é possível que o dinheiro da venda tenha sido proporcionado pela patrocinadora master do clube paulista, a BMG, que entrou com uma porcentagem na compra do atleta.

Na última terça-feira, o atacante participou de um jogo beneficente na Arena Corinthians e teve seu nome gritado por torcedores. Em entrevista, o jogador se disse muito contente pelo carinho dos espectadores e que estava aberto para negociações, dependendo de um acordo entre diretoria e seu empresário.

Na tarde de hoje, próximo às 15h, o Grêmio confirmou a venda de Luan para o Corinthians. Em nota oficial, o clube agradeceu os serviços prestados pelo jogador, que foi o melhor jogador da América e campeão da Copa Conmebol Libertadores em 2017.

Segue a nota oficial do Grêmio sobre a saída do atacante:

“O Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense informa a sua torcida que foi efetivada a negociação de venda do atleta Luan Guilherme ao Sport Club Corinthians.

Considerando que restou fracassada a tentativa de prorrogação do contrato do atleta em razão de manifestação expressa e escrita do mesmo e de seu representante; a comunicação clara e formal ao Clube do desejo de sair por considerar o seu ciclo aqui encerrado; considerando também o prazo de vigência de apenas mais um ano do contrato de trabalho, bem como os riscos que o Grêmio corre doravante, em face da legislação brasileira que regula a matéria, o Grêmio comunica a venda nas seguintes condições: pagamento de 5 milhões de euros à vista, correspondendo a 50% dos direitos econômicos do atleta e a quitação pelo Corinthians do saldo devedor do atleta Juninho Capixaba.

O Grêmio agradece os anos de trabalho de Luan, suas e nossas conquistas e deseja-lhe sorte na vida pessoal e desportiva”.