Notícias

Retrospectiva 2019: O ano dos guris gremistas

Nessa última semana de 2019, faremos uma retrospectiva dos momentos do Grêmio na temporada. Após conferirmos o desempenho do tricolor na Copa do Brasil, no Gauchão e no futebol feminino, agora é a hora das categorias de base do clube. O ano dos guris gremistas foi repleto de conquistas, e isso acabou refletindo no elenco principal do Imortal.

Esse ano refletiu a continuação de um longo projeto feito no Centro de Treinamento e Formação Presidente Hélio Dourado. A criação de uma base forte tem gerado bons frutos para a categoria profissional. Jogadores como Da Silva, Darlan, Ferreira, Jean Pyerre, Luan, Matheus Henrique, Pepê e Phelipe fizeram parte do grupo que disputou os principais campeonatos na temporada.

Além disso, alguns deles foram observados e convocados para as seleções de base do Brasil. Os jogadores gremistas integraram os times que disputaram torneios sub-17, sub-23 e até mesmo do selecionado principal do País. Para 2020, é claro, o trabalho terá continuidade. O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Junior, já declarou que a diretoria e comissão técnica estuda criar um terceiro time para disputar suas competições.

Na nossa retrospectiva, você confere os melhores momentos da base nessa temporada.

Retrospectiva 2019: Entre altos e baixos, sub-20 gremista termina o ano com destaque

retrospectiva-2019-entre-altos-e-baixos
Foto: Rodrigo Fatturi/Grêmio.

O sub-20 é a penúltima etapa para chegar aos profissionais do Grêmio. Por isso, é preciso ter bastante atenção durante esse momento de formação, já que os jogadores poderão ser até mesmo aproveitados no elenco principal da equipe. Por isso também que, normalmente, muitos torneios são disputados pela categoria. Em 2019, o time tricolor disputou todas as principais competições, mas teve altos e baixos.

A primeira grande competição a ser disputada pelos jogadores que estão se preparando para se tornar profissionais foi a 50ª Copa São Paulo de Futebol Júnior. O tricolor estreou na competição atuando no Grupo 21, se classificando em primeiro lugar com duas vitórias e uma derrota. O clube chegou às oitavas de final para enfrentar o Audax. Em um jogo fácil, a equipe derrotou os paulistas por 3 a 0. Nas quartas de final, no entanto, a equipe foi superada pelo Corinthians por 2 a 1, adiando novamente o sonho de vencer o torneio pela primeira vez em sua história.

A segunda grande competição da categoria disputada pelo Imortal foi a Copa do Brasil sub-20. Disputado no sistema do mata-mata, a equipe enfrentou na primeira fase o Capital, do Tocantins. Em jogo único, o Grêmio passeou sobre os adversários, goleando por 5 a 0. Nas oitavas de final, agora em dois jogos, a equipe enfrentou o CSA, de Alagoas. Na primeira partida, no Estádio Rei Pelé, o Grêmio novamente passou com facilidade: 7 a 0 e vaga na mão. No segundo jogo, um 0 a 0 em Eldorado do Sul.

Mas novamente a equipe caiu para um time paulista na fase de quartas de final. Contra o Palmeiras, a equipe saiu derrotada no primeiro confronto por 3 a 2. Na volta, o tricolor fez jogo duro mas não conseguiu reverter o resultado, sendo eliminado do torneio e também adiando outro título inédito.

No Campeonato Brasileiro sub-20, no entanto, a campanha foi bem abaixo do esperado. O sistema de disputa lembra o dos antigos torneios da categoria profissional: vinte times disputam turno único, e os oito melhores colocados se classificam para as oitavas de final. Na primeira fase, o time fez uma participação pífia, terminando na 18ª posição do torneio, apenas à frente de Chapecoense e Ponte Preta, com quatro vitórias, cinco empates e dez derrotas. Desde 2009, a equipe não vence o torneio, quando bateu o Atlético Mineiro por 1 a 0.

Fim de temporada coloca o sub-20 do Grêmio em evidência

retrospectiva-2019-fim-de-temporada
Foto: Rodrigo Fatturi/Grêmio.

Agora iremos para uma parte recente da nossa retrospectiva. Após uma temporada de altos e baixos, a equipe teve um motivo para comemorar no fim da temporada. Entre novembro e o início de dezembro foi disputado a Copa Ipiranga Sub-20, torneio internacional que convida equipes do Brasil e do exterior para disputarem uma competição no Rio Grande do Sul.

Na primeira fase do torneio, a equipe fez uma campanha invicta. Com oito pontos ganhos em doze possíveis, o Grêmio se classificou para a segunda fase da competição em segundo lugar. A campanha só não foi melhor pois o time gremista poupou os titulares, que foram relacionados pelo treinador Victor Hugo Signorelli para a disputa da última rodada do Campeonato Brasileiro profissional. Os guris gremistas fizeram um jogo duro com os goianos, mas saíram derrotados. Porém, a atuação foi muito bem vista pela comissão técnica e diretoria, e coloca mais um grande momento na nossa retrospectiva.

Voltando ao torneio, a equipe fez uma campanha impecável no mata-mata, vencendo os três jogos sem sofrer nenhum gol. Os adversários foram o Atlético Nacional, da Colombia (quartas de final); Athletico Paranaense (semifinal); e Vasco na final do torneio. Em um jogo de muita chuva e vento, o time derrotou os cariocas por 1 a 0 com gol de Léo Chú e se tornou o campeão da competição pela primeira vez. 

Retrospectiva 2019: Nos aspirantes, Grêmio bate na trave

retrospectiva-2019-nos-aspirantes-grêmio-bate-na-trave
RS – FUTEBOL/CAMPEONATO BRASILEIRO DE ASPIRANTES 2019 /GRENAL – ESPORTES – Lance da partida entre Gremio e Internacional disputada na tarde deste domingo, no Estádio Centenário, em Caxias do Sul, em partida valida pela final do Campeonato Brasileiro de Aspirantes 2019. FOTO: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

A equipe de aspirantes é parte essencial na formação de novos atletas, servindo como transição entre as equipes de base e os profissionais. Em 2017, foi criado uma competição para que os clubes pudessem dar condicionamento para esses jogadores que estão na última etapa antes de ingressar o profissional. O maior campeão do torneio é o co-irmão colorado, com dois títulos em três edições.

Em 2019, o Grêmio foi para uma nova disputa. No Grupo 1, a equipe tricolor se classificou na primeira posição, com seis vitórias e duas derrotas em oito partidas disputadas. Com a melhor campanha geral da primeira fase, a equipe foi novamente o melhor time da competição, com cinco vitórias e um empate em seis partidas. Invicto, o time pegou o Vitória nas semifinais. Mais uma vez impecável, a equipe se classificou para as finais ao derrotar o clube baiano por 1 a 0 na ida e 3 a 0 na volta.

A final do torneio foi contra o Internacional, bicampeão do torneio até a altura. O primeiro jogo, no Beira-Rio, foi duro mas sem muita inspiração, e as equipes saíram empatadas em 0 a 0. Na segunda partida, novamente um confronto morno, mas o Internacional, que havia feito um campeonato irregular, conseguiu derrotar o tricolor por 1 a 0, gol de Pedro Lucas, para se tornar tricampeão do Brasileirão de Aspirantes.

Vale lembrar nessa retrospectiva que muitos jogadores da equipe sub-23 subiram para o time principal durante a temporada, como Da Silva, Darlan e Ferreira.

Retrospectiva 2019: As conquistas dos guris gremistas com a seleção

retrospectiva-2019-as-conquistas-dos-guris
Foto: Alexandre Loureiro/CBF

2019 pode não ter sido o melhor ano em conquistas para a base do Grêmio, mas o sucesso dos jogadores em campo fez com que as seleções brasileiras – principal e de base – olhassem com bons olhos os nossos atletas. Durante todo o ano, alguns guris fizeram parte dos selecionados e saíram com algumas conquistas em diversas categorias.

A maior delas foi feitas por jogadores do sub-17. Diego Rosa e Pedro Lucas, que foi convocado de última hora para substituir Reinier, do Flamengo, foram peças importantes para a conquista da Copa do Mundo da categoria, que aconteceu no País. Diego foi um dos titulares da conquista, fazendo gols decisivos durante a campanha. Pedro Lucas também teve participação essencial, fazendo belos jogos, principalmente na fase de quartas de final, onde o jogador foi titular.

Outros jogadores fizeram parte das equipes de base do Brasil. Phelipe Megiolaro e Matheus Henrique terminaram o ano como titulares da Seleção Olímpica, e foram convocados para a disputa do torneio Pré-Olímpico em janeiro do ano que vem. O volante gremista, inclusive, foi convocado pela primeira vez para a equipe principal, disputando dois amistosos no mês de outubro com a camisa canarinho. Nossa retrospectiva se encerra com o destaque dos guris para além das quatro linhas da Arena.

Amanhã continuaremos nossa retrospectiva do ano de 2019 do Grêmio para falarmos da disputa da Copa Conmebol Libertadores. Vamos, Tricolor!

Confira também:

Fechar