Notícias

Tricolor empresta lateral para o Bahia e segue em busca de centroavante e goleiro

Na manhã desta segunda-feira, o Grêmio anunciou o empréstimo de Juninho Capixaba, lateral-esquerdo adquirido no ano passado, para o Esporte Clube Bahia. O tricolor adquiriu 50% dos seus direitos econômicos no começo da temporada passada, mas suas atuações foram abaixo do esperado. O diretor executivo do clube, Klauss Câmara, anunciou a situação do atleta durante entrevista coletiva concedida na manhã de hoje, no Centro de Treinamentos Presidente Luiz Carvalho.

– Todos perceberam a ausência. É em virtude do encaminhamento a ser dado com o Bahia por empréstimo nesta temporada – revelou o diretor.

Juninho Capixaba chegou ao Grêmio no meio de 2018 por empréstimo, e em seguida foi comprado. Nos 35 jogos que atuou com a camisa gremista, marcou cinco gols. No entanto, o lateral sempre ficou atrás de Cortez na lista da posição, e nunca conseguiu engrenar uma boa sequência de jogos. Para 2020, o jogador ainda sofreria a concorrência de Caio Henrique, que está por detalhes de assinar com tricolor, dependendo apenas do envio da documentação do Atlético de Madrid, da Espanha.

O lateral-esquerdo de 22 anos surgiu para o futebol justamente no Bahia. Suas boas atuações renderam uma transferência para o campeão brasileiro naquela altura, o Corinthians. Mas desde então não conseguiu encontrar o bom futebol, e tentará novamente no tricolor baiano, sob o comando de Roger Machado. Isso abrirá espaço para Guilherme Guedes, jovem lateral da equipe de aspirantes, participar do elenco principal. De acordo com o globoesporte.com, o jogador já esteve presente no treinamento desta manhã.

Tricolor tem concorrência por Vanderlei, mas avança nas negociações

tricolor-avança-com-vanderlei
Foto: Diego Vara/BP Filmes

Nas primeiras semanas de 2020, alguns sites esportivos informaram que o Grêmio estaria buscando um novo goleiro para disputar a posição de titular com Paulo Victor. Alguns nomes foram especulados, mas o que se tornou mais forte foi o de Vanderlei, de 35 anos, reserva do Santos Futebol Clube. As negociações avançaram, e o tricolor pode mesmo ter o atleta em 2020.

Inicialmente, a diretoria gremista propôs ao clube santista a venda do atleta por 3 milhões de reais. No entanto, o Atlético Mineiro entrou nas conversas e tentou cobrir a oferta, mas o tricolor persistiu no valor e deverá ficar com o goleiro. Santos e Grêmio possuem boas relações devido às negociações feitas nos últimos anos entre os clubes. Ainda no fim de 2019, houve uma troca em que Victor Ferraz veio para Porto Alegre em troca de Madson, que desembarcou na Vila Belmiro.

Em entrevista na noite de ontem à Rádio Guaíba, o presidente gremista, Romildo Bolzan Junior, declarou que o clube está sim à procura de um goleiro, mas não confirmou a informação dada pelo portal LANCE! e confirmada pelo globoesporte.com. De acordo com o mandatário, Vanderlei é um dos nomes procurados pela diretoria do tricolor, mas que existem outros goleiros que estão em negociação com a diretoria neste momento.

– Grêmio está atrás de um goleiro. O Vanderlei é um dos nomes que nós estamos trabalhando sim, porém não temos confirmação do negócio ainda. Também temos negociações com outros goleiros – declarou Romildo.

Diretoria mantém confiança em negociação com Pedro

diretoria-tricolor-ainda-se-mantém-esperançosa-por-pedro
Foto: Gabriele Maltinti/Getty Images

Nesta semana, o representante de Pedro viajará até a Itália para decidir o futuro de Pedro. Os diretores da Fiorentina já tem todas as propostas em mãos, e podem sacramentar o destino do centroavante até o próximo fim de semana.

A diretoria do tricolor está à procura de um camisa 9 após as tentativas frustradas com André e Diego Tardelli. Aliado a isso há o desejo do atacante de 22 anos em retornar ao Brasil. Vendido pelo Fluminense ao clube italiano em agosto do ano passado, Pedro atuou apenas em quatro partidas com a camisa da Viola, sem marcar nenhum gol. No entanto, o que se tem de concreto é que a Fiorentina planeja vender o atleta, para conseguir o retorno financeiro da sua compra, que na ocasião foi de mais de R$ 36 milhões.

A diretoria do clube italiano sinalizou primeiramente com a quantia de 10 milhões de euros (acima dos R$ 45 milhões). Os executivos do Grêmio reconhecem que o valor é muito acima da realidade atual, e não planejam avançar na negociação caso ela continue nesses moldes. Porém, há a esperança dos mandatários gremistas de que a Fiorentina possa mudar de ideia em relação ao modelo de contrato e pensar em emprestar o atleta, colocando-o em uma vitrine para uma futura venda. Sendo assim, o clube gaúcho segue sonhando com uma eventual vinda de Pedro para Porto Alegre.

Na entrevista concedida à Rádio Guaíba, Romildo Bolzan confirmou que o tricolor não fará loucuras pelo atleta, já que a Viola pensa apenas em vender Pedro. Dessa forma, o clube está fora das negociações no momento.

O Grêmio não tem acerto qualquer com a Fiorentina e não tem qualquer acerto concreto com esse jogador. A informação que nos foi passada é que a Fiorentina só tem interesse em uma venda, o que já coloca o Grêmio fora dessa negociação – afirmou o mandatário.

Confira também:

Fechar