Decisivo, Diego Souza é elogiado por Renato e jogadores

Camisa 29 fez o gol da vitória diante do Inter

Diego Souza foi decisivo na semifinal do primeiro turno do Campeonato Gaúcho. Diante do Internacional, no Beira-Rio, o jogador marcou o gol que garantiu ao tricolor a classificação para a final da competição.

Mais uma vez, o centroavante de 35 anos tem uma bela atuação em Gre-Nal. Treze anos antes, ele foi decisivo no confronto válido pelo Brasileirão de 2007, marcando os dois gols da vitória, na casa dos rivais.

Além do gol, sua participação no confronto também foi importante em outros momentos, como na expulsão do volante Musto, que tomou o segundo amarelo ao parar uma jogada em que Diego Souza se livrou e partiria sozinho para o ataque.

Isso rendeu elogios dos jogadores e do treinador da equipe, Renato Portaluppi. O comandante, em entrevista coletiva após a partida, afirmou que o gol decisivo do centroavante foi um “gol de malandro”, além de agradecer a paciência da torcida, que está abraçando o atleta.

– Quanto ao Diego, não temos que dar resposta para ninguém. É o terceiro jogo, terceiro gol. Para quem conhece futebol, foi um gol de malandro. Jogador de futevôlei. Peço muito para meus atacantes sair de perto do zagueiro e atacar o espaço vazio. Agradecer a torcida pela paciência. Estão dando moral para ele – afirmou Renato.

Quem também falou foi Victor Ferraz. O elogiado lateral-direito concedeu entrevista aos repórteres à beira do campo, e declarou estar feliz pelo gol decisivo ter sido feito pelo atacante, que será muito importante para a equipe.

– Feliz por ter sido o Diego Souza, um cara que chegou com certa desconfiança mas está mostrando que é uma contratação que vai ajudar – disse Ferraz.

Diego Souza celebra boa fase no retorno ao Grêmio

decisivo-diego-souza-agradece-companheiros-pelo-apoio-no-grêmio
Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Após um 2019 abaixo das expectativas, Diego Souza chegou ao Grêmio com desconfiança dos torcedores, que não aprovaram a sua contratação. Porém, após três gols nas três partidas em que disputou desde o seu retorno, decidindo um clássico, parece que as coisas mudaram.

Ao fim da partida, o centroavante também foi parado pelos repórteres, que queriam saber do personagem principal da partida a sensação de decidir um jogo de tamanha importância. Diego Souza reconheceu a ajuda do restante do elenco, afirmando que trabalha o máximo possível para retribuir o apoio.

– Isso não é à toa. A gente trabalha bastante, agradeço muito a Deus pela oportunidade que estou tendo, à minha família que sempre torce por mim. E esse grupo que me recebeu muito bem. O mínimo que que posso fazer é dar meus 100%. Claro que ainda é o início, temos muitas coisas para melhorar, poucos jogos. Mas com esses jogadores que a gente tem, próximos ali, as coisas facilitam bastante – afirmou o centroavante.

Sua ascensão “meteórica” começou logo após a sua estreia, diante do Esportivo. Já na sua segunda partida, o atacante era o titular da equipe que perdeu para o Aimoré por 2 a 1, com gol dele. Contra o Inter, novamente foi referência no ataque, e não decepcionou a torcida gremista.

Renato reconhece erros, mas comemora a classificação em um jogo parelho

renato-comemora-classificação-após-gol-decisivo-de-diego-souza
Renato comemora com jogadores, após a vitória diante do rival – Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Mesmo com a classificação, a equipe do Grêmio ainda teve alguns erros durante a partida. Com um a mais, a equipe não conseguiu encaixar contra-ataques e ainda correu perigo em algumas jogadas. Na coletiva, Renato reconheceu esses problemas, mas comemorou a classificação em um bom jogo.

– Talvez demos um pouco de espaço a mais no segundo tempo. Não aproveitamos os espaço. Basicamente o jogo ficou parelho e nós com um mais. Dei os parabéns ao Coudet, apesar da derrota, jogou de igual para igual. Agradou todo mundo, foi um belo Gre-Nal. Resultado importante na casa do adversário, passamos, agora temos condição de decidir o turno – declarou.

Com a vitória, o treinador bateu seu recorde pessoal de invencibilidade em Gre-Nais, estando agora há seis partidas sem perder para os rivais. Além disso, o Grêmio tem a chance de encurtar seu caminho para a final do Gauchão, fazendo valer o cronograma de utilizar os titulares no primeiro turno do campeonato. A equipe espera o vencedor da partida entre Caxias e Ypiranga, pela outra semifinal.

Confira também: