NotíciasLibertadores

Jogos da Libertadores estão suspensos por conta do Coronavírus; Gre-Nal é mantido

Surto do vírus na América do Sul ameaça eventos esportivos, entenda

A CONMEBOL decidiu pela suspensão de todas as partidas da Copa Libertadores previstos para a próxima semana por conta do surto de Coronavírus no continente. A decisão é válida para partidas entre os dias 15 e 21 de março, havendo ajustes no calendário da competição a partir da próxima semana.

A informação foi divulgada no Twitter oficial da entidade, que também confirmou o adiamento das duas primeiras rodadas das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022, que aconteceriam no período entre os dias 23 e 31 de março. Com isso, os jogadores não terão a necessidade de se apresentar para suas respectivas seleções, tampouco viajar para fora dos países onde atuam.

A decisão pela suspensão da próxima rodada da Libertadores afetará uma série de clubes brasileiros. Flamengo, Athletico, Palmeiras, Santos e São Paulo tinham confrontos marcados para semana que vem. Não há, por enquanto, previsão de retorno da competição, mas as próximas rodadas não estão canceladas.

Além disso, a conclusão da segunda rodada, que se encerrará na noite de hoje, se mantém. Com isso, o Gre-Nal das Américas, marcado para às 21h, acontecerá normalmente. A Arena do Grêmio tem a expectativa de receber mais de 49 mil pessoas na noite desta quinta-feira.

Antes do confronto pela Libertadores, presidentes da dupla Gre-Nal mostraram preocupação com Coronavírus

presidentes-da-dupla-gre-nal-se-reúnem-antes-de-confronto-pela-libertadores
Presidentes de Grêmio e Inter se reuniram antes de confronto histórico – Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Antes do histórico Gre-Nal das Américas, válido pela segunda rodada da fase de grupos da Libertadores, os presidentes de Grêmio e Inter, Romildo Bolzan Junior e Marcelo Medeiros, se reuniram em um jantar, em uma churrascaria na zona norte de Porto Alegre, com outros membros da diretoria e conselheiros dos clubes, para celebrar o confronto.

A noite foi repleta de fidalguia entre os co-irmãos, discursos dos presidentes e outros assuntos discutidos. Entre eles, a gravidade do Coronavírus e a possibilidade de adiamento das competições nos próximos dias, foi pauta. O globoesporte.com, que estava presente no evento, perguntou para Romildo Bolzan quais as medidas poderiam ser tomadas. O mandatário afirmou que todas as precauções devem ser tomadas, e que as autoridades devem tomar as medidas cabíveis para preservar a população.

– Não vou me deixar levar pelo devaneio da grande notícia, hoje um fato mundial. Não sei se a dimensão é tanta assim. Todas as precauções tomadas são importantes. Agora, as autoridades sanitárias do país vão ter que dar a dimensão disso. Se for uma situação importante, não há nenhum problema, preserva-se a vida, a integridade física das pessoas – afirmou.

Mantido, o Gre-Nal será o último jogo antes da interrupção da Libertadores. Quem vencer se isola na liderança do Grupo E da competição, abrindo três pontos de vantagem para os demais.

Confira também:

Fechar