NotíciasPré-Temporada

Grêmio retoma atividades com testes para Covid-19 em funcionários; jogadores retornam nesta terça

Clube estabeleceu protocolo para reiniciar trabalhos no CT Luiz Carvalho

Na tarde desta segunda-feira (4), o departamento de futebol do Grêmio retornou do período de férias coletivas. O Centro de Treinamento Presidente Luiz Carvalho foi adaptado para receber os funcionários que terão de cumprir uma série de protocolos durante os próximos meses.

Os profissionais do clube receberam as orientações de como serão os procedimentos em uma reunião que aconteceu no centro de um dos campos do CT. O diretor-executivo, Klauss Câmara, o diretor de futebol, Celson Matte, além dos médicos Paulo Rabaldo e Márcio Donelles, explicaram a importância da retomada das atividades. Todos cumpriram o distanciamento social exigido pelos organismos de saúde e usaram máscaras.

Os funcionários também foram testados para a Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Os testes tem resultado em menos de uma hora, mas o Grêmio não os divulgou para a imprensa. Nesta terça-feira, será a vez dos jogadores do elenco principal realizarem os exames. Eles serão divididos em pequenos grupos e também terão de cumprir um protocolo pré-definido pelo departamento médico do tricolor.

departamento-médico-do-grêmio-faz-exames-covid-19
Departamento Médico do Grêmio começa testagem para detectar presença de coronavírus em funcionários – Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

O Grêmio, por meio do seu site oficial, divulgou a logística que será utilizada na retomada das atividades, confira:

  • Ao chegar, ainda dentro do carro, será verificada a temperatura;
  • Estando abaixo de 37,7 graus, o atleta é direcionado a uma primeira área, com todos os lados abertos e apenas uma cobertura, na qual retira os sapatos e veste uma proteção para os pés;
  • Em seguida, em outro ambiente semelhante, há uma segunda verificação da temperatura corporal, uma medição de oxigénio periférico e é realizado o imunoteste para verificar a dosagem de anticorpos;
  • Com o resultado dentro dos parâmetros, o atletas segue, pelo lado externo do CT, a uma estrutura, igualmente aberta, para realização dos testes fisiológicos – sempre de forma individual;
  • Após o treinamento, o atleta vai direto para casa, sem utilizar os vestiários do CT para tomar banho.

Ao final dos testes, os jogadores passarão por exames médicos e depois disso poderão começar a treinar. Os trabalhos serão feitos em grupos reduzidos, divididos por posição em campo, além de não ter contato físico e nem atividades com bola, em um primeiro momento. A evolução dos treinamentos dependerá do avanço da pandemia no Rio Grande do Sul, além do sucesso na prevenção do contágio entre os jogadores.

Fechar