NotíciasMercado

Jornalista afirma que Everton não será vendido ao Napoli por 20 milhões de euros

Clube autorizou negociações entre estafe do atleta e italianos

Mais uma vez, as negociações envolvendo o atacante Everton e o Napoli, da Itália, foram notícias nos portais brasileiros. Agora, o jornalista Paulo Vinícius Coelho, do Grupo Globo, afirmou em seu blog que o jogador não será negociado por 20 milhões de euros ao clube italiano, quantia que foi especulada no início desta semana pelo jornal Gazzetta Dello Sport.

De acordo com PVC, o Presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Jr, recebeu uma consulta do Napoli, perguntando se havia a possibilidade do clube negociar diretamente com Everton para apresentar os planos ao jogador. A resposta foi positiva por parte do mandatário gremista. No então, após a permissão de Romildo, não chegou nenhuma proposta oficial pelo atacante.

A crise causada pelo novo coronavírus causou problemas na arrecadação dos clubes do Brasil e o do restante do planeta, mas as finanças do Tricolor, após anos de rígido controle orçamentário, ainda sobrevivem ao momento turbulento. Dessa forma, o clube consegue segurar seus ativos e vendê-los pelo valor pretendido, por isso espera que o Napoli aumente a oferta por Everton.

Se a negociação for concretizada, Cebolinha será um dos jogadores mais caros da história do clube. Apenas a proposta inicial do Napoli já o colocaria na segunda colocação, atrás apenas de Arthur, que foi vendido ao Barcelona por 31 milhões de euros em 2018. Se a proposta dos italianos aumentar, é possível que esse recorde seja quebrado.

Fechar