NotíciasCampeonato Brasileiro

Renato elogia atuação de Pepê: “Não é fácil substituir o Everton”

Mesmo com time modificado, Tricolor conseguiu se impor diante do Fluminense

O treinador Renato Portaluppi concedeu sua tradicional entrevista coletiva após a vitória contra o Fluminense, na noite desse domingo (9). O ídolo gremista elogiou a atuação da equipe, que mesmo com desfalques, conseguiu se impor diante do time das Laranjeiras e não sofreu grandes ameaças durante os 90 minutos.

Renato ressaltou a importância do atacante Pepê para o grupo. O jogador teve a difícil missão de substituir Everton, que está de saída para o Benfica, e não decepcionou. No primeiro tempo, teve poucas oportunidades de aparecer, mas com o Fluminense precisando do resultado e saindo para o jogo, se destacou nos contra-ataques e só não marcou porque parou na defesa de Muriel.

— O Grêmio esteve bem. Todos os jogos do Brasileirão são difíceis. Viemos de uma decisão e nos comportamos muito bem. O Pepê está acostumado com o grupo, se comportou muito bem. Ele tem muito a dar ao Grêmio ainda. Não é fácil substituir o Everton, mas ele tem muito a crescer. Tenho toda a confiança nele — elogiou.

Antes da coletiva de Renato, Pepê já havia falado sobre a sua atuação na saída do gramado. E, assim como o treinador, reconheceu que substituir Everton é uma grande responsabilidade, mas também lembrou um conselho do próprio técnico sobre o surgimento de possibilidades:

— Substituir alguém como o Everton é muito difícil. Mas o professor sempre fala que quando a oportunidade aparece, temos que estar prontos e aproveitar — afirmou o atacante.

ATUAÇÃO DE ISAQUE TAMBÉM É ELOGIADA

Outro que também teve sua atuação elogiada foi o meio-campista Isaque. O jovem jogador, que havia marcado o gol do título do Grêmio na última quarta-feira (5), no Gre-Nal, foi o escolhido por Renato para substituir Jean Pyerre. O meia teve duas oportunidades de marcar na segunda etapa em contra-ataques, mas a forte defesa do Flu impediu as conclusões dos lances.

— No caso do Pepê, não é fácil substituir o Éverton, mas ele tem toda minha confiança. E o Isaque é um garoto que tem um futuro muito grande. A única dificuldade que ele encontrou foi o entrosamento, mas é normal — afirmou Renato.

Isaque deve retornar ao banco de reservas na próxima quarta-feira (12), no confronto diante do Ceará, em Fortaleza, caso os meio-campistas do Tricolor que estiveram fora da estreia (Jean Pyerre e Matheus Henrique) estejam à disposição de Renato.

Fechar