Vanderlei prevê Campeonato Brasileiro diferente por conta da falta de público

Sem previsão de vacina, jogos terão portões fechados até o fim da competição

O Brasileirão terá uma cara diferente em 2020. É o que o goleiro titular do Tricolor, Vanderlei, prevê para esta temporada. Em entrevista coletiva virtual concedida após o treino da tarde dessa segunda-feira (10), o jogador falou sobre a atmosfera das partidas, que não terão público na maior parte do campeonato. De acordo com o arqueiro, a torcida é um grande diferencial para os donos da casa, e a ausência dos torcedores fará com que os jogos se tornem mais equilibrados.

— Com certeza os jogos vão ser bem diferentes. Muitas vezes a torcida faz a diferença e ganha jogo, pois empurra o time mesmo ele indo mal e consegue mudar o jogo. Agora o jogo vai ficar mais equilibrado — afirmou.

Em outra resposta dada por Vanderlei, ele corrobora sua afirmação anterior, afirmando que a sequência de jogos que os times terão no Brasileirão, serão outro fator importante. As partidas terão um intervalo curto de tempo, com as equipes sofrendo com lesões, suspensões e a perda de jogadores infectados pela Covid-19. Com isso, ter um plantel com opções será um diferencial durante a competição.

— Vai ser um ano extremamente difícil. São muitas competições e muito pouco tempo de descanso. Teremos cartões, lesões e até a própria covid. As equipes deverão estar preparadas para rodar o elenco. Este ano vai ser atípico. O que fara a diferença são os elencos. Quem tiver um elenco mais qualificado vai conseguir chegar nas primeiras posições — explicou.

Com 36 anos, Vanderlei vai para mais um Campeonato Brasileiro em sua carreira, torneio que disputa desde 2007, quando foi contratado pelo Coritiba. Em 2017, o goleiro foi considerado o melhor jogador da competição no prêmio Craque do Brasileirão. Ele e o Tricolor voltam a campo na noite desta quarta-feira (12), quando o time enfrenta o Ceará, na Arena Castelão, pela segunda rodada do torneio.

Clique aqui e receba as nossas notícias pelo WhatsApp

Botão Voltar ao topo