NotíciasMercado

Quais as possibilidades de Cavani jogar pelo Grêmio em 2020?

Atacante tem desejo de jogar na América do Sul, mas proposta de clube italiano lhe agrada

Desde que saiu do Paris Saint-Germain, o atacante uruguaio Edinson Cavani é especulado em grandes clubes do futebol europeu. O jogador recebeu propostas do Atlético de Madrid, da Espanha, e do Benfica, de Portugal, clube que até foi o favorito para contatá-lo, mas as negociações não foram para a frente.

O motivo? Cavani quer aceitar um bom projeto para sua carreira, que dispute grandes títulos, como a Champions League, e por isso não aceitará qualquer proposta do continente. Caso não consiga, o atacante pode realizar seu outro grande desejo, que é disputar uma Libertadores, por um time sul-americano.

E é aí que entra o Grêmio. Na última semana, uma informação da imprensa argentina declarava que o atacante estava de malas prontas para jogar em Porto Alegre, sendo utilizado o dinheiro das vendas de Pepê e Everton para pagar os custos da operação. A diretoria do Tricolor, no entanto, negou veementemente o contato, ironizando o boato, inclusive.

— Já está demais, causa um desgaste. Tem gente levando a sério. Imagina se em uma contratação deste relevo, que seria a maior da história do país, o presidente Romildo estaria na Bahia e o jurídico ainda não teria recebido documentos? — declarou Nestor Hein, diretor jurídico do clube, em contato com o site GaúchaZH.

CAVANI QUER RETORNAR À AMÉRICA DO SUL, MAS VAI OUVIR PROPOSTAS DA EUROPA

A possibilidade da volta de Cavani à América do Sul existe, mas depende de alguns fatores. O jogador está na França, ouvindo propostas de clubes europeus. A favorita é a do Juventus, que planeja contratar um atacante de peso para formar dupla com Cristiano Ronaldo.

O clube tem outro atacante uruguaio no radar, Luis Suárez. O jogador, que está de saída do Barcelona, no entanto, não possui o passaporte europeu, necessário para que o jogador seja inscrito como atleta local. Já Cavani possui, e larga na frente por esse motivo. Com o prazo de inscrição para competições continentais curto, caso Suárez não consiga a documentação, o outro uruguaio é quem deve ficar na Velha Senhora.

Toda essa novela, porém, será resolvida ainda em setembro. As competições no velho continente retornam nas próximas semanas, e os elencos devem ser definidos até, no máximo, 5 de outubro, último dia de inscrições para a Champions League. Caso não acerte com nenhum clube até lá, o caminho de Cavani fica livre para assinar com uma equipe sul-americana, e o Grêmio, necessitando de um atacante decisivo, deve encaminhar uma proposta.

Botão Voltar ao topo