NotíciasCampeonato Brasileiro

Diego Souza marca, mas Grêmio tropeça novamente e empata com o Fortaleza em 1 a 1

Equipe chegou ao sexto empate na competição

Diego Souza voltou a marcar, mas essa foi a única notícia boa da tarde deste domingo (13). Jogando em casa, o Grêmio não conseguiu sair do empate contra o Fortaleza, o sexto no Brasileirão.

Tentando manter uma boa sequência de resultados na competição, Renato Portaluppi colocou os titulares em campo, mesmo com jogo da Libertadores no meio de semana. Mesmo com desfalques, o Tricolor ainda tem um time forte o suficiente para dominar a partida, o que aconteceu quando vemos os números de posse de bola.

Mas, a equipe do Fortaleza acabou sendo mais efetiva na hora de atacar, e conseguiu sair na frente na primeira etapa, após falha de Vanderlei. Na segunda, um pênalti salvou a pele gremista, e Diego Souza deixou sua marca para manter os bons números no seu retorno a Porto Alegre. Porém, não foi o suficiente para alcançar a vitória.

Confira um resumo do que rolou na partida.

PRIMEIRO TEMPO

O Grêmio tentou assustar logo no primeiro minuto, em chute de Alisson, mas quem levou perigo mesmo foi o Fortaleza, na sequência, quando Osvaldo finalizou do lado esquerdo da área e obrigou Vanderlei a fazer boa defesa. Depois, o Tricolor ficou com o controle da partida, mas acabou falhando em um lance capital e sofreu o primeiro gol. Em escanteio cobrado pelo lado esquerdo, Osvaldo cruzou para a área, e a bola passou por todo mundo, inclusive pelo goleiro gremista, abrindo o placar na Arena: 1 a 0 para o Leão. 

Diferentemente das outras partidas em que o Tricolor saiu atrás no placar, dessa vez a equipe mostrou poder de reação e tentou chegar ao ataque com intensidade. Aos 29, Alisson chutou forte dentro da área e obrigou Felipe Alves a fazer grande defesa. Renato decidiu avançar o time, e colocou Robinho, meia de criação, no lugar de Maicon, que voltou a sentir dores musculares. A troca, no entanto, não surtiu tanto efeito ofensivo, e o Grêmio foi para o intervalo em desvantagem.

SEGUNDO TEMPO

Se a vontade do Tricolor de atacar e tentar o empate não havia surtido efeito na primeira etapa, na segunda teve resultado rápido. Nos primeiros segundos da volta do intervalo, Everton foi empurrado por Quintero na área, e Igor Benevenutto marcou pênalti. Diego Souza foi para a cobrança na primeira e não converteu, mas o juiz marcou invasão de Luiz Fernando. Na segunda, o camisa 29 converteu, empatando o jogo na Arena: 1 a 1.

O segundo tempo, no entanto, teve pouca emoção. As melhores jogadas de ataque do Grêmio ficavam por conta de Luiz Fernando, que havia entrado no lugar de Isaque no intervalo. Mas, aos 25 minutos, ele e Gabriel Dias, lateral do Fortaleza, foram expulsos após discussão. Com isso, ambos os lados não tiveram forças para desempatar a partida, e não criaram mais lances de perigo até o apito final. O Grêmio chega aos 12 pontos no Brasileirão, ficando momentaneamente na 10ª colocação.

PRÓXIMA PARTIDA DO GRÊMIO É PELO RETORNO DA LIBERTADORES

Na próxima quarta-feira (16), o Grêmio retorna à Libertadores, após seis meses de paralisação. A equipe faz a sua primeira viagem internacional durante a pandemia para pegar a Universidad Católica do Chile. O confronto acontece às 21h30 (horário de Brasília). O Tricolor lidera o Grupo E da competição, com 4 pontos, empatado com o Internacional.

Fechar