Categorias
Blog do Ilgo

Gauchão: time B gremista aplica goleada na estreia

De volta ao Gauchão, sempre negligenciado no início e ‘Copa do Mundo’ na reta final. Esse comportamento vale para os times, seus torcedores e imprensa ‘escrita, falada e televisada’, além dos incansáveis críticos das redes sociais.

Vamos ver qual será a atitude da mídia nesta quinta ao falar sobre a goleada do Grêmio B por 4 a 1 sobre o Brasil de Pelotas, na Arena. Quero comparar com o que fizeram com o Inter, que penou para vencer o Juventude por 1 a 0, e teve seus goleiro, o novato Daniel, incensado, festejado e idolatrado.

Não faltou quem o apontasse como futuro titular do time vermelho e, verdade!, até da Seleção Brasileira.

Bem, cada um com suas fantasias e convicções. O fato é que o Inter só venceu graças e duas defesas no ‘grito’ de seu jovem goleiro, que, verdade seja dita, tem mesmo condições de disputar a titularidade.

Quem sabe o Grêmio não imita o Inter e dê mais valor aos seus goleiros da base. Tradição para isso é o que não falta.

O Grêmio fez bem em escalar seu time reserva. Só não entendi por que Ferreirinha começou o jogo, sinalizando que domingo volta a ser apenas uma alternativa para o segundo tempo.

Sobre as individualidades. Gostei do lateral Vanderson, que pode ser titular em pouco tempo.

Gostei também do Thaciano, jogando como volante/articulador, e com chegada à frente.

Quem me agradou mesmo foi Pinares. O chileno marcou, armou e apareceu para concluir. Pena que não foi inscrito na CB.

Teve uma gurizada que entrou, mas com pouco tempo. Renato parece preocupado em lançar guris no apagar das luzes de sua gestão do vestiário tricolor. Ricardinho, goleador do time sub-20 é um exemplo.

Será que Renato está plantando para ele mesmo colher agora, ou o objetivo é deixar um legado para um eventual sucessor?

Estou convencido, hoje, de que ele fica ser for campeão da CB.