Categorias
Blog do Ilgo

Grêmio bate Novo Hamburgo e confirma classificação

Com 3 a 1 sobre o Novo Hamburgo, na Arena, neste domingo, o Grêmio cumpriu a obrigação de passar à semifinal do ‘me engana que eu gosto”, muito mais pra não deixar o caminho livre para seu rival do que qualquer outra coisa.

Na comparação com o time que enfrentou o Caxias na sexta-feira, no Centenário, vi uma evolução.

Por exemplo, no meu artigo anterior, eu reclamei que o time jogava muito pelo meio, mesmo com os laterais passando em velocidade. Olha a sacanagem: o lateral dá um pique rumo à linha de fundo e a bola não chega nele. Desta vez chegou.

O Cortez cansou de receber bolas contra o NH. O problema é que seus cruzamentos invariavelmente batem no adversário à sua frente.

Vanderson também foi acionado. E deu boa resposta. Esse guri foi um achado. Acho que vale a pena testar Rafinha na função de Alisson, que caiu em desgraça perante o torcedor, e pouco faz para reverter isso.

Não sei por que insistir com Alisson. Ele era peça importante no esquema de Renato, mas Renato se foi. Ontem, ele ficou até os 43 minutos. Sobraram míseros 4 ou 5 minutos para o pobre do Léo Pereira.

O técnico Thiago Gomes agiu bem em manter Alisson, mas não precisava continuar com ele tanto tempo. O jogo estava definido. Será que era medo de uma virada do Nóia?

Outro que poderia jogar menos tempo é Pepê, que está negociado. Poderia ser poupado para jogos da Libertadores, abrindo caminho para Chú, este sim precisando de oportunidade.

Deixando bem claro que qualquer análise séria precisa levar em conta a fragilidade do adversário.

Friso isso porque o Jean Pyerre fez uma partida quase empolgante. Livre, sem bafo na nuca, ele articulou quase sem ser incomodado. Aí apareceu sua técnica exuberante. Fez um gol e deu passe para outro.

Gostei de novo do Tiago Santos. Joga sério, sem frescura.

Bobsin, que enfrentou uma série de lesões, entrou depois, agora com mais personalidade, inclusive aparecendo na área como elemento surpresa. Gostaria de vê-lo mais tempo em campo.

Agora, a Sul-Americana, que dá vaga direta à Libertadores do próximo ano. O Grêmio joga quinta, 19h15, contra o La Equidad, da Colômbia.