Oito anos depois, Paulinho está de volta e reforça o Corinthians

“O guerreiro está de volta. No ano que vem, o bicho vai pegar”. Foi assim que Paulinho se manifestou pela primeira vez desde o retorno ao Corinthians, oficializado nesta quarta-feira (15). O volante de 33 anos está de volta ao clube onde foi campeão paulista (2013), brasileiro (2011), da Libertadores e do Mundial (ambos 2012).Oito anos depois, Paulinho está de volta e reforça o CorinthiansOito anos depois, Paulinho está de volta e reforça o Corinthians

Paulinho assinou contrato por dois anos e vestirá a camisa 15. Ele foi anunciado por meio de uma sirene no Parque São Jorge, a sede do clube paulista, uma tradição em contratações importantes. Pelo Alvinegro, o volante fez 167 jogos e 34 gols, sendo o mais marcante o da vitória por 1 a 0 sobre o Vasco, no Pacaembu, no jogo de volta do confronto pelas quartas de final da Libertadores de 2012.

O jogador encerrou a passagem inicial pelo Corinthians em 2013, ao ser negociado com o Tottenham (Inglaterra). Dois anos depois, foi vendido ao Guangzhou Evergrande (China), onde foi dirigido pelo técnico Luiz Felipe Scolari, que o comandou na Copa do Mundo de 2014, no Brasil. Em 2017, Paulinho acertou com o Barcelona (Espanha), retornando ao Guangzhou no ano seguinte (inicialmente por empréstimo e depois em definitivo). O último clube do volante foi o Al-Ahli (Arábia Saudita).

Segundo o Corinthians, o retorno de Paulinho foi viabilizado pelo acordo de patrocínio fechado também nesta quarta com o Grupo Taunsa, de atuação no agronegócio. O contrato inicia oficialmente em janeiro do ano que vem, com duração até dezembro de 2023. Os valores não foram divulgados, assim como a forma que a parceria será ativada nas propriedades físicas e digitais do Timão.

Fonte: Agência Brasil